Carreira de marketing: 5 coisas que nunca te contaram sobre a profissão

A carreira de marketing é considerada por muitos especialistas como uma das que mais passou por transformação nos últimos tempos. Isso porque ela tem acompanhado as transformações das relações humanas, da tecnologia e ainda, as relações formais de trabalho

A carreira de Marketing é uma das que mais passou por mudanças nos últimos anos, vivenciando transformações tanto na formação do profissional da área como nas ferramentas que são utilizadas para exercer o papel de profissional de Marketing.

Antigamente, o foco era pensar em como vender o produto ou marca representada e escolher entre uma gama menor de opções de canais de comunicação com o potencial cliente. Isso tornava o planejamento menos complexo e simples.

créditos: Wokandapix/ pixabay

Neste presente tempo, o profissional de Marketing muitas vezes precisa pensar em como adaptar a comunicação que irá fazer com o seu cliente para os mais variados canais, em formatos diferentes, para momentos diferentes. Além disso, a preocupação deixou ser apenas vender o produto, mas criar um relacionamento com o cliente e engajar este usuário com a marca. Para conseguir atender essa nova demanda do mercado, a formação do profissional para exercer a carreira dentro do Marketing precisa ser multidisciplinar e deve estar em constante atualização, porque se trata de um mercado extremamente dinâmico.

De acordo com Philip Kotler, um dos papas da área, o Marketing é a ciência e a arte de explorar, criar e entregar valor para satisfazer as necessidades de um mercado-alvo com lucro. Marketing identifica necessidades e desejos não realizados. Ele define, mede e quantifica o tamanho do mercado identificado e o potencial do lucro. De forma resumida e clara, a função principal do Marketing é entregar valor para o cliente e para o consumidor final. E isso é feito por meio de uma série de estratégias que irão destacar as vantagens de determinado produto ou marca e despertar o interesse para que o público-final tenha vontade de consumi-los.

Dito isso, vamos listar alguns dos mitos que devem ser quebrados para uma boa atuação em Marketing, seja para sua carreira como profissional da área ou na sua empresa.

1 – Apenas as redes sociais ajudam a alavancar o seu negócio
Definitivamente não. Um blog pode ajudar e muito na divulgação (e desenvolvimento do marketing). Um blog corporativo é importante por diversos motivos. O primeiro deles é que você pode compartilhar notícias e novidades do seu segmento de atuação e se posicionar como uma autoridade no assunto. Um blog também é importante por causa do SEO: com o conteúdo do blog você terá mais palavras-chave nos resultados das buscas e, consequentemente, mais visitas em seu site. Por último, o conteúdo do blog é excelente para compartilhamento nas redes sociais, gerando maior engajamento nos seus posts.

2. Você vai sair da faculdade um profissional 100% sabichão (e vai enriquecer logo!)
Calma lá. É claro que valorizamos todos os muitos anos que você dedicou para seus estudos na graduação, mas entender que você é dono de todo o conhecimento já é um pouco demais. O conhecimento está fresco na sua cabeça, com certeza, mas a realidade do mercado é aprendida no dia a dia, com os desafios do mercado, com profissionais mais experientes e o mais importante: é preciso ralar para enriquecer. É super comum que, em início de carreira, jovens profissionais tenham mais de um emprego ou mais de um cliente. Aqui não tem glamour! Tem muita ralação. O dinheiro vem com o tempo, com a experiência e com o  bom trabalho desenvolvido.

3. Ferramenta de email marketing é coisa do passado.
Que nada! Ao contrário das redes sociais, onde você torce para que o seu consumidor veja o post, com o email marketing você faz contato diretamente com o usuário – mesmo que ele não abra o email, ainda está sendo impactado pela sua mensagem. O email marketing ainda permite que você segmente as suas mensagens e tenha resultados ainda melhores.

Crédito: Pixabay

4. Marketing só serve para pessoas descoladas
Vamos desconstruir essa ideia, tá? O profissional da área de Marketing faz pesquisas de mercado para entender o perfil do consumidor e poder traçar estratégias de comunicação e venda. As grandes empresas costumam contratar profissionais de Marketing para elaborar projetos de fortalecimento da marca a médio e longo prazos. Já as empresas de pequeno e médio portes costumam investir em ações mais imediatas, o que não quer dizer que não contratem eventualmente um profissional de Marketing para pensar em sua estratégia em longo prazo. Há oportunidades de trabalho para o profissional de Marketing em empresas de serviços, de varejo, indústrias, órgão públicos e terceiro setor.

5. Marketing só serve para pessoas caretas
Para trabalhar no ramo, é preciso gostar de pessoas.  O principal objetivo do Marketing é convencer o público a satisfazer uma necessidade adquirindo o produto ou serviço em questão. Para isso, primeiro é necessário entendê-lo, com suporte de pesquisas de opinião e grupos focais. Dessa forma, o profissional deve ser alguém com genuíno interesse por pessoas. Essa afinidade será importante na compreensão dos diferentes perfis dentro da amostra, em especial na definição dos clientes mais prováveis – que serão o foco das ações da estratégia final.

Por Keila Baraçal

Deixe uma resposta