Como manter a calma durante as provas

Selecionamos algumas dicas para ajudar você a manter a tranquilidade durante provas e exames.

Sentir um pouco de ansiedade antes e durante uma prova é completamente normal. Se a tensão for excessiva, contudo, seu desempenho pode ficar abaixo da sua capacidade. 

Quer algumas dicas para manter a calma durante provas e exames? Confira 8 sugestões abaixo. 

Respire fundo e boa leitura!

1. Considere começar pelos temas e questões em que você tem mais facilidade

O objetivo aqui é fazer o maior número de pontos possível já no começo da prova e ganhar confiança. Isso também funcionará como uma espécie de aquecimento para enfrentar os tópicos que você considera mais difíceis.

Agora, um porém: essa é a estratégia mais recomendada por professores, mas é claro que não serve absolutamente para todos os casos. Existem pessoas que preferem intercalar tópicos fáceis com os mais difíceis, e outras que preferem começar justamente pelo que consideram mais complicado.

Se você estiver se preparando para o vestibular, uma boa ideia é aproveitar os simulados para testar essas diferentes estratégias e descobrir com qual delas você se dá melhor.

2. Administre bem o tempo

Se estiver com muita dificuldade em uma questão, não perca tempo: faça uma marcação nela, vá para as próximas e volte a ela depois. Assim, você evita perder tempo e se estressar com uma questão que provavelmente tem o mesmo peso que as demais.

Créditos: Free-Photos/Pixabay

3. Leia os enunciados com calma e, se possível, grife os pontos principais

Quando ficamos muito ansiosos, perdemos o foco e a capacidade de concentração – com isso, podemos tropeçar em coisas bobas. Procure ler os enunciados das questões com calma e, se for permitido, grifar as palavras e os pontos principais.

Tenha certeza de que entendeu o que a questão está pedindo. Em provas de múltipla escolha, por exemplo, algumas questões pedem para selecionar a alternativa incorreta ou que não está de acordo com a argumentação ou situação apresentada. Fique atento a esses detalhes.

4. Concentre-se em cada questão e não no seu desempenho final

Uma questão de cada vez: esse dever ser o seu lema durante uma prova. Enquanto você faz o exame, evite ficar pensando no seu desempenho final ou se atingirá a média necessária.

Lembre-se de que o seu desempenho total depende, justamente, da sua capacidade de se concentrar em cada pequena etapa do processo.

5. Trabalhe a respiração

Quando ficamos muito ansiosos, nossa respiração se torna curta e rápida. Nesses momentos, mudar nosso padrão respiratório pode nos ajudar a retomar o controle da situação e sair do estado de nervosismo.

Aqui estão alguns exercícios rápidos para fazer quando a ansiedade aumenta:

– Alinhe a coluna, coloque uma mão no peito e outra na barriga. Respire fundo pelo nariz enchendo o abdome (a barriga) de ar. Solte o ar lentamente pela boca. Repita 5 vezes.

– Inspire fundo e expire pelo nariz 5 vezes. Enquanto faz isso, tente prestar atenção somente à sensação causada pelo ar entrando e saindo dos seus pulmões.

– Inspire lentamente, segure a respiração por alguns segundos, expire lentamente e volte a segurar a respiração por um tempo. Repita esses passos 5 vezes.


johnhain/Pixabay

6. Esqueça os outros candidatos e concentre-se em si mesmo

Nada de ficar prestando atenção aos candidatos que estão terminando e deixando a sala! Preocupe-se com a sua própria prova e lembre-se de que o tempo total para realizá-la não será alterado.

Pense no tempo disponível como um recurso. Se você tem um total de 4 horas disponíveis, por exemplo, aproveitá-las é sinal de inteligência, e não de incapacidade.

7. Alimente-se bem e cuide da hidratação

Essa dica vale para todos os momentos: antes, durante e depois da prova. Se a avaliação que você vai fazer é longa – um vestibular, por exemplo –, manter a hidratação e evitar uma baixa de energia é super importante.

Prefira alimentos leves, como barras de castanhas e frutas fáceis de comer (damasco desidratado, por exemplo). Barras de chocolate meio amargo também são uma ótima opção para elevar o ânimo. 

E o mais importante: não se esqueça de beber água. Quando estamos desidratados, nosso cérebro fica mais lento e perde rendimento

Créditos: congerdesign/Pixabay

8. Lembre-se de que é apenas uma prova

Por fim, lembre-se de que uma prova é somente uma prova. Ela não mede o seu valor como pessoa, estudante ou profissional. Trata-se de um modo de avaliação que faz um registro momentâneo das suas habilidades. 

Mesmo as pessoas mais bem sucedidas têm os seus momentos de baixo desempenho – ou até de reprovação.

Além disso, errar, aprender e tentar novamente são fundamentais para treinarmos uma das capacidades mais importantes em todas as esferas da vida: a resiliência – nossa habilidade de lidar com obstáculos, enfrentar problemas e seguir em frente.

Gostou das sugestões? Tem mais alguma dica? Deixe seu comentário abaixo. 

Bons estudos e boa prova!

Por Flávia Siqueira

Deixe uma resposta

Antes de prosseguir, você aceita receber informações no seu email?

Saiba mais sobre as políticas de privacidade clicando aqui.

is_page (https://alemdafacul.com/adf-jdl/)